Test-drive: Audi Q3

Uma das características mais importantes em algumas marcas de montadoras é a capacidade de fazer os consumidores identificarem, seja no volante ou no banco de passageiro, que estão andando em um dos modelos fabricados por elas. E isso vai muito além da logomarca estampada na parte externa ou interna. Envolve aspectos como design, comportamento da suspensão e sensação de robustez ou fragilidade diante dos buracos de nossas sofridas ruas, entre outros. Durante alguns dias guiando o Q3, pudemos comprovar que o modelo é mais um a reforçar a identidade da Audi. Estão nele muitas características dos carros da montadora, que vamos enumerar a seguir.Q3

A primeira delas é o sutil equilíbrio entre conforto e estabilidade da suspensão. Como em todos os veículos da Audi, ela é rígida o suficiente para garantir que eles não percam a proximidade com o chão, mas sem descuidar da maciez necessária para enfrentar os desníveis enfrentados cotidianamente no Brasil. O Q3 é um carro grande e alto, mas não passa insegurança nas curvas, mesmo as mais fechadas, porque inclina muito pouco.

A Audi também disponibiliza, vale ressaltar, o recurso tecnológico Drive Select. Ele permite configurar o comportamento do veículo (o que inclui a suspensão) de acordo com quatro modos pré-definidos. No Q3 ele faz parte do pacote opcional Advanced, que também tem os recursos Keyless-go (ligação do veículo sem necessidade de chave), câmera de ré, computador de bordo com display colorido e som Bose. Na versão que guiamos, entretanto, a intermediária Ambiente, esse pacote não estava disponível.Q3-2

Outra característica dos modelos da Audi que percebemos no Q3 foi a boa relação entre potência do motor, esportividade do conjunto e carroceria. Como destacamos, ele é um SUV de dimensões consideráveis, com mais de 4,3 metros de comprimento e 1,5 tonelada de peso, e o motor do carro que guiamos nem era o mais potente disponível: tinha 170 cavalos (há ainda o 2.0 com 211 cv da versão Ambition e o 2.5 de 310 cv do RS Q3). No entanto, a boa resposta do motor passa a sensação de que o condutor está guiando um veículo esportivo, de torque satisfatório e direção firme.

Ainda falando do motor, o Q3, como legítimo Audi, desmistifica a ideia de que carros grandes com motores a gasolina e bom desempenho significam, necessariamente, alto consumo. Pisando leve no acelerador, conseguimos uma boa média de 8,4 km por litro dentro da cidade (medido pelo computador de bordo). Além do ótimo câmbio Tiptronic de sete velocidades com mudanças de marchas imperceptíveis, o motor também é ajudado por recursos como a tecnologia que permite o aproveitamento da energia cinética gerada pelo veículo em descidas ou frenagens. De acordo com a Audi, só isso já resulta em até 3% de economia de combustível.

Em relação à dirigibilidade, o Q3 se mostra um carro que não assusta pelo tamanho. No volante, em pouco tempo o condutor se acostuma e não há dificuldade nas manobras. O banco do motorista, com regulagem elétrica e inúmeras configurações possíveis, permite boa adaptação. Chamaram a atenção, também, o silêncio do carro em movimento, a boa visibilidade da área envidraçada e a ajuda do sensor de estacionamento, que além de mostrar a proximidade dos obstáculos no visor do painel, também informa através de sinais sonoros que vêm exatamente de onde está o perigo da batida.Q3-3

Como resultado de nossa experiência, podemos afirmar que o Q3 não nega o seu DNA de legítimo Audi: não economiza na tecnologia, é discreto sem perder a imponência e a elegância, vem equipado com motor potente e econômico e tem suspensão que combina conforto e esportividade na medida certa.
Ficha técnica
Motorização: 2.0 Turbo FSI
Cilindros / Cilindrada: 4 em linha / 1.984cc
Potência (cv): 170 @ 4.300 – 6.200
Torque (Nm): 280 @1.700 – 4.200
Tração: Quattro (4×4 disponível em tempo integral, acionada somente quando necessário)
Transmissão: S tronic 7 velocidades
Peso (kg): 1.510
Comprimento (mm): 4.385
Largura (mm): 1.831
Altura (mm): 1.590
Entre-eixos (mm): 2.603
Capacidade do tanque de combustível (l): 64
Capacidade do porta-malas (l): 460
Aceleração 0-100 km/h (s): 7,8
Velocidade Máxima (km/h): 212

Preço da versão guiada: R$ 149.900,00

Check Also

Carros elétricos

Célula de combustível, picape de resgate: os carros elétricos da Renault-Nissan

A Nissan e a Renault, empresas pertencentes ao mesmo grupo, têm empreendido louváveis esforços no …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *