Maven

GM lança programa de compartilhamento de carros para seus empregados

Um carro à disposição para realizar tarefas do dia-a-dia ou mesmo para viajar com a família no fim de semana, pagando por ele apenas as horas de uso. Assim é o Maven, programa de compartilhamento de veículos, car-sharing, que a GM traz para o Brasil. A iniciativa começou com um programa piloto para empregados do Complexo Industrial de São Caetano do Sul, uma das unidades de produção da montadora. A plataforma faz parte do movimento global da GM para o desenvolvimento de opções de mobilidade urbana e sustentáveis ao redor do mundo.

Para usar os carros do programa, os empregados cadastrados poderão efetuar as reservas, travar e destravar as portas do veículo através do aplicativo do Maven, disponível para dispositivos móveis. Na primeira fase, a ação permitirá o deslocamento de ponto a ponto, a retirada e a entrega serão feitas nos pontos localizados dentro do complexo. O valor a ser pago é R$ 35,00 por hora ou até R$ 210,00 para uma reserva de 24 horas, já incluído o combustível e o seguro do carro. O pagamento será efetuado através da própria folha de pagamento do empregado.

A frota começará tendo disponível para o programa apenas o Chevrolet Cruze LTZ, com todas as unidades equipadas com o sistema OnStar, que oferece ao motorista serviços de emergência, segurança, navegação, concierge e conectividade. O “Maven” aproveita as tecnologias integradas do serviço do OnStar, como ajudar no processo de recuperação em caso de roubo do veículo, notificar automaticamente a assistência em caso de acidentes por meio de uma central de atendimento e de informações 24 horas.

GMMaven é parte de estratégia de mobilidade

“Os empregados querem opções para se movimentar pela cidade com opções de flexibilidade e personalização. O Maven é apenas uma parte da estratégia de mobilidade urbana global da GM. Vemos as preferências dos consumidores em evolução, tais como o compartilhamento de automóvel, como oportunidades reais de negócios que poderemos incluir rapidamente em nossas capacidades existentes, tais como OnStar”, comenta Samuel Russel, diretor de marketing da GM do Brasil.

Além do Maven, os programas de mobilidade urbana da GM têm investimentos como os programas “Flinc”, de carona, car-sharing da Opel, “CarUnity”, “Let’s Drive NYC”, compartilhamento de bicicletas “Zagster” no centro de desenvolvimento técnico nos Estados Unidos e uma parceria com a Universidade Jiao Tong na China para a integração dos carros EN-V 2.0 da Chevrolet em um sistema de transporte de multimodal.

Quem quiser acompanhar o programa pode seguir @driveMaven nas redes sociais Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Check Also

Carros elétricos

Célula de combustível, picape de resgate: os carros elétricos da Renault-Nissan

A Nissan e a Renault, empresas pertencentes ao mesmo grupo, têm empreendido louváveis esforços no …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *