carros elétricos

Carros elétricos compartilhados: projeto-piloto começa hoje em Fortaleza

Após o período de demonstração, a Prefeitura de Fortaleza inicia nesta quinta-feira, às 9h, na Praça Luiza Távora, a fase de operação assistida do sistema Veículos Alternativos para Mobilidade (VAMO), serviço de carros elétricos compartilhados de Fortaleza. Nesta fase, o VAMO iniciará o cadastro dos interessados e contará com cinco estações e oito carros elétricos. As quatro primeiras (Montese, São Gerardo, Edson Queiroz e Aldeota/Praça Luiza Távora) estão disponíveis a partir de hoje. A quinta estação (Aldeota/Center Um) estará disponível a partir da próxima semana.

De acordo com a administração municipal, o objetivo desta fase é iniciar a operação do sistema, dando suporte aos usuários, monitorar o uso inicial e ajustar as características do sistema para a implantação das próximas estações. O VAMO é Coordenado pela Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT).

carros elétricosA população terá acesso a veículos 100% elétricos nos modelos Zhidou EEC L7e-80 (foto) e BYD e6, ambos de fabricação chinesa. Além da não emissão de poluentes e de não causar poluição sonora, o serviço busca incentivar e consolidar o conceito de compartilhamento de veículos. Segundo a SCSP, estudos de sistemas já consolidados em outras cidades da Europa, Ásia e Estados Unidos estimam que para cada carro em um sistema de compartilhamento, outros sete carros particulares deixam de circular nas ruas.

Cadastro e uso do sistema de carros elétricos

Os usuários deverão fornecer endereço eletrônico (e-mail) no site do sistema, no endereço www.vamofortaleza.com. Em seguida, após a confirmação do e-mail, deverão ser enviados, também por meio do site, os dados pessoais e fotos da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e de comprovante de endereço. As informações serão verificadas pela operadora, que entrará em contato com o usuário para agendar hora, data e estação que ele deseja ir para assinar um termo de responsabilidade e realizar um test-drive acompanhado de um técnico.

Para fazer uso do sistema, por meio do site e de um aplicativo para smartphone (Vamo Fortaleza, disponível para Android e iOS), os usuários poderão reservar os carros elétricos disponíveis nas estações, tendo até 15 minutos para efetivar a retirada dos veículos. Eles poderão ser retirados, todos os dias, das 5h às 23h59. A devolução funciona 24 horas por dia.

Sistema segue o exemplo do Bicicletar

A exemplo do que acontece com os sistemas de compartilhamento de bicicletas (Bicicletar e Bicicleta Integrada), o novo sistema VAMO não será custeado pela Prefeitura de Fortaleza: a receita virá de patrocínios e dos usuários do sistema (veja as tarifas no fim da matéria). A empresa Serttel é a responsável por implantar, operar e dar manutenção ao sistema. A Hapvida Saúde Fortaleza é a patrocinadora. Já a SCSP é responsável por planejamento, fiscalização e acompanhamento.

O Secretário de Conservação e Serviços Públicos, Luiz Alberto Sabóia, explica que o VAMO é mais uma alternativa que busca estimular a lógica do compartilhamento e de integração entre modais. “Assim como todas as ações do PAITT, esse é um projeto-piloto que vai funcionar como um laboratório para que a Prefeitura de Fortaleza possa, a partir dessa amostra, mensurar o potencial de impactos positivos que o uso de veículos elétricos pode proporcionar à mobilidade urbana, à integração de modais e principalmente ao meio ambiente, uma vez que os automóveis à combustão atualmente são os principais responsáveis pela emissão de gases causadores do efeito estufa em Fortaleza”, diz Luiz.

Estações iniciais de carros elétricos

– Igreja de Nazaré (Rua André Chaves, 177 – Montese)
– North Shopping (Rua Moreira de Souza, 58 – São Gerardo)
– Praça Luiza Távora (Av. Santos Dumont, 1589 – Aldeota)
– Center Um (Rua Barbosa de Freitas, 1100 – Aldeota)
– Shopping Iguatemi (Av. Washington Soares, 62 – Edson Queiroz)

Próxima etapa
Na última fase de implantação do VAMO, a operação completa está prevista para operar com 20 carros elétricos, distribuídos em 12 estações de compartilhamento em Fortaleza. Por se tratar de um projeto-piloto e pioneiro no Brasil, é importante frisar que as locações das estações passarão por um período de monitoramento por seis meses, podendo haver realocação dessas localidades no intuito de melhorar o desempenho do sistema e o atendimento às demandas da população.

Tarifas

Para os primeiros 30 minutos, o valor cobrado é de R$ 20,00 sem fracionamento (o valor não diminui mesmo que o uso tenha sido de menos de meia hora). Após a primeira meia hora de uso, a cobrança se dará por minuto adicional, variando conforme o tempo de uso da seguinte forma:

– Entre meia hora e 1 hora de uso: R$ 0,80 por minuto adicional.

– Entre 1 hora e 2 horas de uso: R$ 0,60 por minuto adicional.

– Entre 2 horas e 4 horas de uso: R$ 0,50 por minuto adicional.

– Após 4 horas de uso: R$ 0,40 por minuto adicional.

Isso significa que se o usuário ficar com o carro por uma hora, por exemplo, vai gastar 44 reais. A vantagem é que a quilometragem é livre. Além disso, os carros elétricos compartilhados poderão estacionar nas vagas de Zona Azul gratuitamente. As pessoas que fizerem uso mensalmente do sistema pagarão uma taxa de R$ 40,00, que é revertida em crédito para uso dos carros. Caso o usuário possua o Bilhete Único, será dado um desconto de 25% nessa taxa.

Check Also

Fusion Police Responder

Ford lança Fusion Police Responder, híbrido para uso pela polícia norte-americana

A Ford apresentou nos Estados Unidos o seu primeiro carro híbrido desenvolvido especialmente para perseguições …

2 comments

  1. Qual a autonomia desses carros? E o carregamento é feito na própria estação? E se acontecer algum problema com o carro tipo a bateria acabar?

  2. O preço ainda estar muito alto, nosso custo de vida não nos proporciona fazer uso de tal serviço…!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *