Clássico francês, Citroën DS faz 60 anos hoje

Em 6 de outubro de 1955, o DS 19, modelo de luxo da Citroën, foi apresentado pela primeira vez no Salão do Automóvel de Paris. Ao longo das cinco décadas que se seguiram, o nome DS virou sinônimo de design incomum e cuidados com conforto e sofisticação e ganhou tanta força que virou uma marca independente dentro da Citroën.

DS 19 1960 - CL_60_011_001 - copyright A. MARTIN bx -
O DS na base da Torre Eiffel, outro clássico francês

Para celebrar a data, a fábrica preparou uma programação especial. Pena que, para isso, é preciso ir a Paris para desfruta-la. Os moradores da cidade ou os turistas terão passeios de 30 minutos a bordo do veículos pelas ruas da capital francesa. Para quem fica por aqui, listamos algumas informações sobre
o carro.

No seu lançamento no Salão de Paris, além do design, o DS chamou atenção pelo sistema hidráulico presente na embreagem, no comando dos freios, na direção e na troca de marcha, que tornava mais macia a condução. Somente no primeiro dia de lançamento teve 12 mil unidades comercializadas. Dez dias depois, no fim do Salão, o total chegou a 80.000 DS vendidos. Em 1967, ele veio com outra inovação: faróis direcionais que acompanham a direção das rodas. Dois anos depois, teve introduzida a injeção eletrônica.

 

6919_008
Um dos destaques do modelo foi o farol capaz de acompanhar o sentido da direção

 

La DS et DE GAULLE 13-05-1963 - 11.470 -
Modelo usado pelo presidente da França, Charles de Gaulle

Produzido na França, e no exterior (Bélgica, Reino Unido, Portugal e África do Sul), o carro foi exportado para toda a Europa Ocidental, em quase todos os países do chamado Commonwealth, dos quais o Canadá e a Austrália, e para os Estados Unidos. Ao longo de dois decênios foram vendidas 1.456.115 unidades. Destaque em muitos filmes e séries de televisão de ontem e de hoje, ele também foi o carro de muitas personalidades, como políticos, estrelas de cinema, industriais e empresários.
 

 

O sucesso do carro levou à criação da marca DS, em 1º de junho de 2014. De acordo com a Citroën, ela “tem como ambição dar continuidade à história para que essas duas letras continuem a encarnar o know-how francês do luxo no automóvel em todo o mundo e ainda por muito tempo”. A gama DS compreende os modelos DS 3, DS 3 CABRIO, DS 4, DS 5, DS 5LS e DS 6 – estes últimos, comercializados apenas na China. “Ela propõe carros que se destacam por estilos marcantes, requinte nos mínimos detalhes, materiais nobres e tecnologia”, diz a fábrica francesa.

linha DS
DS3, DS4 e DS5, modelos comercializados no Brasil

Check Also

Eletrovan

GM comemora 50 anos da Eletrovan, seu primeiro veículo movido a hidrogênio

O ano de 1966, que trouxe as estreias de TV de “Batman” e “Star Trek”, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *